sábado, julho 4
Home>>Política>>General israelense é preso por protestar contra o governo. Vejam como a lei lidou com o caso.
Política

General israelense é preso por protestar contra o governo. Vejam como a lei lidou com o caso.

Um ex-general de alto escalão das Forças de Defesa de Israel foi detido na tarde desta sexta-feira, 26, em Jerusalém. Ele, juntamente com dois homens mais jovens, estava fazendo um protesto em frente à casa do Primeiro-Ministro Benjamin Netanyahu. No protesto, chamavam Netanyahu de “criminoso” e vestiam camisetas onde, em hebraico e em inglês, podiam ser lidas provocações ao líder do Governo de israel. Uma das camisetas trazia um trocadilho, em inglês. Chamavam o “Prime Minister” (“Primeiro Ministro”) de “Crime Minister” (“Ministro criminoso”).

Os três homens presos foram Saadi Ben Sheetrit, Gil Danieli e Amir Haskel, um general reformado. Haskel serviu na Força Aérea de Israel por 32 anos, tendo participado, inclusive, como piloto na Guerra do Yom Kippur, em 1973.

Na sequência da prisão, a polícia solicitou uma “ordem de restrição” contra os três. Ben Sheetrit, Danieli e o General Haskel deveriam se manter afastado da capital israelense por 15 dias.

Os três foram apresentados em tribunal na tarde deste sábado, 27. Ao ouvir a solicitação de proibição de permanência em Jerusalém, a juíza Orna Sandler-Eitan, responsável pelo caso, exclamou: “Tenho dificuldades de lidar com essa afirmação. Isso é o mesmo que silenciá-los!”

Depois de uma longa discussão, que chegou a invadir a madrugada do domingo em Israel, a juíza recusou-se a manter os homens presos. E recusou-se também a proibi-los de permanecer em Jerusalém. Para Sandler-Eitan, tal proibição corresponderia a “colocar uma mordaça na liberdade de expressão”. E ordenou que os três fossem postos em liberdade imediatamente, “sem nenhuma restrição”.

A Suprema Corte brasileira deveria tomar conhecimento desta história e inspirar-se no exemplo que vem de Israel. E aqueles que dizem que Israel é um Estado totalitário, onde as autoridades perseguem os seus inimigos e silenciam os seus opositores, deveriam calar a boca.

ANDS | TOI | HAARETZ

UM PEDIDO ESPECIAL: Há 10 anos o NOTÍCIAS DE SIÃO vem disponibilizando informações fidedignas sobre o Estado de Israel e sobre o seu povo. Numa época em que a grande imprensa e as mídias sociais veiculam informações contraditórias e, muitas vezes, completamente falsas, NOTÍCIAS DE SIÃO tem primado por apresentar aos seus leitores fatos reais sobre a Terra Santa. Como a redação do NOTÍCIAS DE SIÃO se encontra na Europa, estamos a enfrentar dificuldades com a crescente desvalorização da moeda brasileira, razão pela qual apelamos aos nossos leitores que possam nos ajudar a manter este trabalho na atual formatação, sem publicidades, pois nossa melhor publicidade são os nossos leitores. Por isso, contamos com vossa solidariedade e apoio, através de doações que podem ser feitas através do PayPal. É seguro e não tomará muito do seu tempo. Basta clicar no link abaixo. Faça uma doação única ou se torne um contribuinte mensal, para que possamos continuar a fazer com qualidade aquilo que já fazemos há 10 anos: Defender Israel. Contamos com sua generosidade e amor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *